Na sexta-feira, 23 de fevereiro de 2024, as autoridades britânicas afirmaram ter apreendido 5,7 toneladas de cocaína num porto no sul de Inglaterra, naquela que se acredita ser a maior apreensão de sempre de drogas de Classe A no Reino Unido. Stock Photo/ARQUIVOS INQUIRERA

LONDRES (Reuters) – As autoridades britânicas anunciaram nesta sexta-feira que apreenderam 5,7 toneladas de cocaína em um porto no sul da Inglaterra, no que se acredita ser a maior apreensão de drogas de classe A já registrada no Reino Unido.

O carregamento, avaliado em cerca de 450 milhões de libras (570 milhões de dólares) com base nos preços de rua do Reino Unido, foi descoberto em 8 de fevereiro no porto de Southampton, escondido num contentor pertencente a um carregamento de bananas da América do Sul.

LEIA: Cocaína no valor de £ 16,5 milhões confiscada de passageiro em Naia

A Agência Nacional do Crime (NCA) disse acreditar que a carga se dirigia ao porto de Hamburgo, na Alemanha, e que contactou agências internacionais em toda a Europa para identificar as redes criminosas envolvidas.

LEIA: Alfândega dos EUA apreende navio onde foi encontrada uma enorme carga de cocaína

“Esta apreensão recorde será um enorme golpe para os cartéis internacionais do crime organizado envolvidos, privando-os de enormes lucros”, disse o diretor da NCA, Chris Farrimond, num comunicado.

LEIA: Cocaína e cetamina encontradas em camarões britânicos

Estima-se que os gangues criminosos ganhem cerca de 4 mil milhões de libras por ano só no Reino Unido, provenientes de um mercado de cocaína intimamente ligado à violência grave em toda a cadeia de abastecimento, incluindo crimes com armas de fogo e facas, afirmou a NCA.

A maior apreensão anterior de cocaína no Reino Unido ocorreu em 2022, também em Southampton, e envolveu 3,7 toneladas de cocaína.

($ 1 = 0,7898 libras)


Não foi possível salvar sua assinatura. Por favor, tente novamente.


Sua assinatura foi bem-sucedida.



Fonte