Imagem apenas para fins de representação | Foto stock INQUIRER.net

CIDADE DE LUCENA – Uma menina de 9 anos foi estuprada, morta, colocada em um saco de aniagem e abandonada no sábado (2 de março) em Atimonan, estado de Quezon.

Em reportagem de domingo (3 de março), a polícia de Quezon disse que um catador de 20 anos, identificado como “Peter”, relatou o incidente à delegacia por volta das 14h09.

Ele alegou ter encontrado uma sacola contendo o corpo de uma vítima de estupro em Barangay (vila), Zona 2, por volta das 13h50.

No entanto, durante a investigação, a polícia recuperou gravações de uma câmera de vigilância localizada perto da cena do crime.

Mostrava Pedro com uma sacola na mão, caminhando com um sacrifício então vivo.

A filmagem levou a polícia a acreditar que Peter estava envolvido no crime, então o prenderam.

Ele agora enfrenta acusações criminais.

A polícia disse que o suspeito tentou esconder seu crime agindo como um cidadão preocupado e supostamente relatando a descoberta do corpo às autoridades.


Não foi possível salvar sua assinatura. Por favor, tente novamente.


Sua assinatura foi bem-sucedida.



Fonte